Porque se atiram cavacas nos festejos de São Gonçalinho?

Todos os anos, no início de janeiro, na cidade de Aveiro, mais precisamente no bairro da Beira-Mar, se realizam as festas em honra a São Gonçalo ou, como é tão carinhosamente tratado pelas gentes deste bairro, São Gonçalinho.

Diz a lenda que São Gonçalinho levava pão às pessoas leprosas que habitavam as Gafanhas. No entanto, de forma a evitar o contágio, o pão era lançado de um lugar alto. Assim, de maneira a honrar este ato generoso, deste santo conhecido por ser casamenteiro, milagreiro, curador de doenças relacionadas com os osso e até dançarino, são lançadas cavacas (um doce seco, de claras de ovos, farinha e coberto de açúcar) do cimo da capela, com o seu nome. Esta prática, que também é uma forma, pode-se dizer peculiar, de pagamento das promessas feitas a este santo, é considerada o ponto alto das festividades, que têm uma duração de 5 dias (pode ver o programa aqui).
No adro da capela, centenas de pessoas reúnem-se para tentar apanhar as famosas cavacas.  Desde guarda-chuvas virados do avesso, camaroeiros ou simplesmente as mãos, para os mais corajosos, tudo serve para conseguir juntar o maior número possível deste doce, que é bem duro de roer.
É preciso ter em atenção que uma cavaca a voar pode causar uma grande dor de cabeça. Estas chegam a atingir 50km/h, pode ver aqui a explicação, pelo que é preciso estar bem protegido! E aqui a habilidade popular recomenda que qualquer coisa dá para proteger a cabeça. Com um capacete, um gorro ou mesmo um garrafão de vinho, tudo se aceita na altura de nos livrarmos de um belo galo.

Para além desta tradição, existem mais duas, que normalmente se realizam no interior da capela, a entrega do ramo e a dança dos mancos.

As festas em honra a São Gonçalinho são, sem dúvida, a festa mais emblemática da cidade de Averio, que merece e vale bastante a pena ser presenciada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.